Sonhei com a minha psicóloga. A gente estava num sofá, como amigas, as pernas de uma sobre as pernas da outra. Quanta intimidade.  Ela me falava que voltaria para o interior de São Paulo, para perto de sua família, pois estava muito difícil viver Brasília, já que seu marido não a ajudava em nada. Olha só, ela tem problemas?! Seria ela tão humana quanto eu? Vi os pés dela. Ah, humano demais! Que estranho! Mas sério: embora ela nunca tenha dito, tenho certeza de que ela não é casada com um traste. Certeza que o marido dela é um cara legal. Certeza que ela é muito inteligente. Certeza que ela me entende totalmente. Certeza que somos parecidas. Quase iguais. Ela e eu. Apenas. Seria somente eu? Cadê ela, afinal? Mas ainda assim, no meu sonho eu disse que não saberia o que fazer sem ela. Ela apenas sorriu, fazendo cara de que eu saberia sim. Perguntei se ela teria alguma colega para me indicar, e ela sorriu novamente, desaprovando totalmente minha pergunta. Às vezes parece que ela não precisa dizer nada para que eu entenda o que deve ser compreendido.

Anúncios

Um comentário sobre “Cadê a analista?

  1. Assim são os bons terapêutas. Ajudam-nos a descobrir nossas respostas só com um olhar.

    Que bom que vc tem a sua, Vica! E que na aventura de serem melhores pessoas são íntimas.

    Beijo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s